Associação Desportiva de Vagos : site oficial do clube de basquete de VAGOS - clubeo

FILIPE PEDRO

2 de março de 2015 - 15:49

1. Quem é Filipe Pedro e qual é exatamente a tua função na AD de Vagos?

O Filipe Pedro é um homem do desporto. Iniciei a prática de atletismo aos 6 anos e desde então estive sempre ligado ao desporto. Primeiro como praticante e posteriormente como professor e como treinador. Na AD Vagos sou responsável pela preparação física da equipa sénior, tarefa que engloba também questões como a recuperação e a prevenção de lesões.  

2. Há quantos anos estás no clube? Como começaste? Este é o meu segundo ano. Comecei no início da época passada, após um convite feito pelo treinador, João Janeiro (que passou a treinador principal nessa época) e pelo Diretor Geral, Rui Diniz.   

3. Que diferenças encontras entre ser profissional à uns anos atrás, quando tu próprios eras atleta, e ser profissionalmente atualmente? Eu nunca fui profissional a 100%, pelo menos naquilo que as pessoas entendem como ser profissional. Apenas conseguia ser profissional nas pausas letivas, de resto tinha sempre que conciliar os estudos e, posteriormente, o trabalho com os treinos e o descanso. Mas para mim, ser profissional é acima de tudo uma questão de atitude, de querer e de fazer tudo o que está ao nosso alcance para atingir os objetivos a que nos propomos.   Hoje em dia é mais difícil encontrar esse grau de comprometimento… Ou somos muito fortes mentalmente ou é fácil ceder às inúmeras solicitações da sociedade atual, desperdiçando tempo importante ao treino e ao descanso/recuperação com outros compromissos não relacionados com o treino. E essa para mim é a principal diferença.   

4. Na tua opinião, quais são os objetivos que a ADV deve tentar alcançar até ao final da temporada? Penso que o grande objetivo passa por ultrapassar a 1ª ronda dos playoffs. Até porque este ano o modelo de competição é diferente, com as 4 melhores equipas a disputar uma final a 4, todos contra todos, num fim de semana imprevisível, em que, uma vez presentes, tudo poderá acontecer. Seria muito importante marcarmos presença nessa final 4.    

 

5. Que importância dás a preparação física numa equipa de alto rendimento? Sendo eu preparador físico, para mim é o mais importante!!! (risos). Obviamente que todas as componentes do rendimento são fundamentais e a chave para o sucesso passa pela adequada gestão do tempo de treino de forma a que se possa abordar aquilo que entendemos ser, nesse momento, o melhor para a equipa.   Essencialmente procuramos desenvolver as capacidades motoras das jogadoras de forma a que a componente física não seja fator condicionante mas sim fator potenciador, que lhes permita implementar da melhor forma as questões técnicas e tácticas do jogo. Podes ter uma excelente leitura do jogo mas será difícil tirares partido disso mesmo se a tua capacidade física não ter permitir realizar as tarefas que tens que fazer e no timing em que tens que o fazer. Além disso, vemos a preparação física para além do aumento das capacidades motoras, incidindo também em aspetos como a prevenção de lesões, a correção de posturas e a recuperação após o exercício.

Comentários